domingo, 12 de agosto de 2012

OPERAÇÃO ALBA V: FAB treina defesa antiaérea em Santa Maria (RS)

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com

A Força Aérea Brasileira (FAB) iniciou nesta sexta-feira, (10/8), na cidade de Santa Maria (RS) o Exercício Operacional ALBA V, que tem por objetivo treinar os militares de Artilharia Antiaérea de Autodefesa da FAB contra aeronaves consideradas hostis, protegendo as instalações e os equipamentos de interesse da Aeronáutica. O treinamento vai até o dia 21 de agosto e reúne mais de cem militares.
Durante a Manobra aeronaves de caça da FAB vão simular ataques contra a Base Aérea de Santa Maria, que será defendida por unidades de tiro munidas com mísseis antiaéreos.
                                                  Foto:1º GAAAD
“O Brasil está atingindo um novo patamar na Artilharia Antiaérea de Autodefesa com os novos treinamentos e equipamentos que estamos utilizando”,diz o Tenente Coronel José Roberto de Queiroz Oliveira Comandante do 1º Grupo de Artilharia Antiaérea de Autodefesa (1º GAAAD), e responsável pela célula de coordenação e avaliação do Exercício.

Sob comando operacional do Quinto Comando Aéreo Regional (V COMAR), participam do Exercício mais de 50 militares da Infantaria da Aeronáutica pertencentes aos efetivos do 1º Grupo de Artilharia Antiaérea de Autodefesa, sediado em Canoas-RS e da Companhia de Artilharia Antiaérea de Autodefesa localizada em Manaus-AM, e mais de 60 militares entre pilotos e sargentos do 3º/10º , 5º/8º e 1º/14º Grupos de Aviação. 

O Exercício contará com aeronaves de caça A-1 e F-5, bem como com os helicópteros H-60 (Black Hawk) que efetuarão ataques simulados à Base Aérea de Santa Maria. A Base estará sendo protegida por unidades de tiro de Artilharia Antiaérea de Autodefesa da FAB, portando mísseis IGLA-S de fabricação russa, com a finalidade de impedir e neutralizar as ações de combate dessas aeronaves que nesse Exercício atuarão na condição de inimigas.
Durante o Exercício, no período de 10 a 21 de agosto, um estande de demonstração do míssil IGLA-S , permanecerá montado na Base Aérea de Santa Maria, destinado à visita da população que tenha interesse em conhecer esses equipamentos de proteção da defesa aeroespacial brasileira.


Fonte: 1º GAAAD