quinta-feira, 8 de novembro de 2012

FAB inicia traslado de militares para o Haiti

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com
Foto: Agencia Força Aérea 

  A Força Aérea Brasileira (FAB) iniciou no domingo (4/11) uma série de missões de traslado de militares para a substituição do atual contingente que integra a Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (MINUSTAH). Uma aeronave KC 137 (Boeing) do Segundo Esquadrão do Segundo Grupo de Transporte (2/2 GT), Esquadrão Corsário, decolou da Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, com 48 militares do Exército Brasileiro, da Marinha do Brasil e da Aeronáutica.
“No total serão dez missões, sendo que a última está prevista para o dia 3 de dezembro”, explica o Major Aviador Washington de Souza, comandante da aeronave.
No itinerário rumo a Porto Príncipe, capital haitiana, a aeronave fez uma parada na Base Aérea de Natal (BANT), onde houve o embarque de mais 82 militares. A chegada deste primeiro contingente está prevista para esta segunda-feira (5/11).
No próximo dia 10 de novembro, um pelotão de Infantaria da Aeronáutica (PINFA 17) também embarca para o Haiti. O efetivo é composto por 27 militares das Guarnições de Aeronáutica de Salvador, Natal, Recife e Fortaleza. 
O PINFA 17 é o quarto contingente da Aeronáutica a integrar a MINUSTAH. O primeiro foi composto por militares do BINFAE-RF e de unidades de Infantaria das Bases Aéreas de Fortaleza e Natal e do Centro de Lançamento da Barreira do Inferno, enviado ao Haiti em fevereiro de 2011. O segundo Pelotão da Aeronáutica a fazer parte da MINUSTAH foi formado por militares do Batalhão de Infantaria de Aeronáutica Especial de Manaus (BINFAE-MN). O pelotão do BINFAE-BR, que permanece no Haiti até o dia 14 de novembro, foi o terceiro contingente de Infantaria da Aeronáutica a participar dessa missão de paz.
Fonte: Agência Força Aérea