quinta-feira, 5 de junho de 2014

Solenidade marca início das entregas dos Mísseis RBS 70 e dos Sistemas GEPARD 1A2 ao Exército Brasileiro

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com.br

No dia 30 de maio, a Escola de Artilharia de Costa e Antiaérea (EsACosAAe) recebeu solenemente as primeiras unidades dos Sistemas de Mísseis telecomandados RBS 70 e as viaturas de combate blindadas GEPARD 1A2. Os materiais, direcionados à EsACosAAe e aos Grupos e Baterias de Artilharia Antiaérea, fazem parte do Projeto Estratégico do Exército Defesa Antiaérea (PEE DAAe).
Conforme destacou o Chefe do Estado-Maior do Exército, General de Exército Adhemar da Costa Machado Filho, durante suas palavras na EsACosAAe, essas aquisições tecnológicas prometem trazer transformações ao Exército Brasileiro, pois representam o início de uma nova Era de Conhecimento e Informação.
Durante o evento, militares fizeram demonstrações com os novos equipamentos. Produzidos pela empresa sueca SAAB, os mísseis antiaéreos portáteis de baixa altura RBS 70 possuem eficiente sistema de guiamento por facho laser, o que torna a sua trajetória imune a interferências externas. Já os sistemas antiaéreos de baixa altura GEPARD 1A2, montados pela alemã KMW, são constituídos de carros dotados de dois canhões antiaéreos Oerlikon de 35mm, com capacidade de alcance de 5.500m e uma elevada cadência de tiro.
De acordo com o Gerente do PEE DAAe, General de Brigada Márcio Roland Heise, "a previsão é de que, até 2030, essa fase de entrega dos materiais seja concluída. Com o PEE DAAe, estamos empenhados em proteger estruturas estratégicas terrestres brasileiras, em incentivar a aquisição de novos meios, recuperar os já existentes e desenvolver itens específicos pelo fomento à Indústria Nacional de Defesa".