sexta-feira, 12 de maio de 2017

Agenda Cultural: Tanabi recebe neste sexta-feira o Circuito Sesc de Artes na Praça Matriz

Renan Contrera

Com uma programação de diferentes ações de musica, dança, teatro, circo, cinema, artes visuais e literatura. Realizado pelo Sesc São Paulo, o evento itinerante passará por 118 cidades no interior, litoral e Grande São Paulo. A programação envolve 80 trabalhos artísticos com 529 artistas em 882 apresentações, todas realizadas de sexta a domingo.

E nesta sexta-feira, 12 Tanabi recebe o Circuito Sesc de Artes na Praça Matriz a partir das 16 horas com o grupo Trovadores do Miocáridio, apresentando a performance literária conhecida como spoken poetry, onde declamam crônicas e poemas, promovendo um encontro entre poesia e música.

Também passará o grupo sergipano de teatro Imbuaça, com o espetáculo A Peleja de Leandro na Trilha do Cordel, no qual conto, canto e dança se fundem ao narrar a vida e obra do autor paraibano Leandro Gomes de Barros (1865-1918), um dos criadores da literatura de cordel.

O público também vai dançar junto com a Batalha de MCS, que traz Bárbara Sweet, Stefanie MC, MC Kamau, MC Somba, e mediação do DJ Erick Jay, residente do programa Manos e Minas, da TV Cultura, que também promove um baile ao som de muito rap nas cidades.

Confira a programação:
Imagens: via Circuito Sesc de Artes

CIRCO NO BECO
COLETIVO CIRCO NO BECO (SP)
Malabaristas apresentam ao público sua técnica circense nesta vivência em que o público interage diretamente com os artistas e pode aprender a manusear alguns equipamentos básicos de circo, como claves e bolas de malabarismo.




DJ ERICK JAY (SP)
O primeiro DJ da América Latina a conquista um título internacional em dois campeonatos no mesmo ano, o IDA World, e o DMC World. Trabalhou com alguns grupos de Rap como: Pregador Luo, Dexter, Xis, atualmente trabalha com o rapper Kamau além de ser residente do programa Manos e Minas, TV Cultura.





A PELEJA DE LEANDRO NA TRILHA DO CORDEL
GRUPO IMBUAÇA (SE)
A trupe sergipana percorre a vida de um dos criadores da literatura de cordel, o paraibano Leandro Gomes de Barros (1865-1918). A encenação apresenta sua trajetória, contexto e legado, e o protagonista encontra os personagens que figuram em sua vasta obra em um espetáculo de conto, canto e dança.


BATALHA DE MC´S (SP/MG)
Mediada pelo DJ Erick Jay, a disputa reúne quatro MCs. Vencedor de importantes prêmios internacionais em 2016: Bárbara Sweet, conhecida de batalhas em São Paulo e Belo Horizonte e integrante do coletivo #MinaNoMic; Stefanie MC, que já dividiu palco com Mano Brown, Negra Li, Vanessa Jackson e Flora Matos; o rapper, beatmaker e skatista MC Kamau, que fez parcerias com Thaíde, SP Funk e com o Dj KL Jay; e MC Sombra, que ingressou da cena hip hop nos anos 90, quando juntou-se ao SNJ, e enveredeou pela carreira solo em 2008.


TROVADORES DO MIOCÁRDIO (SP/RJ)
Fausto Fawcett, Mário Bortolotto, Eduardo Beu, Junio Barreto, Pélico, Rodrigo Carneiro e Carolina Meinerz. As paixões não correspondidas, as fugas melodramáticas e os colapsos passionais são alguns dos temas que inspiram esta performance literária. Os artistas declamam crônicas e poemas, promovendo um encontro de poesia e música conhecido como spoken poetry.

GABINETE DE CURIOSIDADES E HABILIDADES
Programação inspirada pelos “traveling shows”, antigos carros itinerantes que iam de cidade em cidade apresentando toda sorte de atrações artísticas e curiosidades. Projeto cenográfico: Willian Zarella.


FLÂMULA DE TECIDO
ADA ROVAI (SP)
Da combinação de diferentes técnicas das artes manuais surgirá uma pequena bandeira, isto é, uma flâmula. Os participantes criarão seu próprio lema e o desenho que vai decorar sua flâmula. Para isso recorrem ao desenho à mão livre, ao estêncil aplicado sobre o algodão da bandeira e à sua criatividade.

CURTA(S) CHAPLIN
Exibição de curtas-metragens dirigidos e protagonizados pelo cineasta e ator inglês Charles Chaplin, criador do personagem Carlitos.








PALAVRA + IMAGEM
A COR AÇÃO CULTURAL
Acervo de livros ilustrados será oferecido por dupla de mediadores de leituras individuais e compartilhadas.