sexta-feira, 7 de outubro de 2011

AÇÃO SOCIAL - Operação Gota vai vacinar três mil brasileiros no Alto Rio Negro (AM).


Há 18 anos a FAB participa da missão de imunização em regiões remotas da Amazônia.

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com

                                                                Foto:Divulgação/Força Aérea Brasileira
A Operação Gota, que será realizada de 10 a 25 de outubro, deve imunizar  três mil pessoas na região do Alto Rio Negro, no Amazonas. A Força Aérea Brasileira transporta as vacinas e a equipe que vai garantir que as populações ribeirinhas  e indígenas  tenham acesso ao Calendário de Vacinação do Ministério da Saúde.
Serão atendidas crianças de zero a quatro anos, adolescentes, adultos, idosos e gestantes. A multivacinação tem o objetivo de controlar, eliminar ou erradicar doenças imunopreveníveis no território brasileiro, como difteria, tétano, coqueluche, poliomielite, hepatite B, febre amarela, entre outras.
A responsável pela coordenação da Operação Gota no Ministério da Saúde, Giane Ribeiro, explica que em algumas comunidades a vacina só chega em condições de uso por meio de transporte aéreo.
A Força Aérea vai empregar as aeronaves H-60 BlackHawk e C-105 Amazonas. Serão atendidas as localidades de Caruru do Uaupés, Patos, Médio Uaupés, Caruru do Tiquié, Pari Cachoeira, São José II e Tacuá da região do Alto Rio Negro, que fica a 1000 km de Manaus (AM). Estas áreas não tem acesso por rodovia ou hidrovia. A viagem de barco pode durar mais de 15 dias.

A Operação Gota é uma parceria entre a Força Aérea Brasileira, por meio do Comando-Geral de Operações Aéreas (COMGAR), e o Ministério da Saúde, através da Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunização, Departamento de Vigilância Epidemiológica (DEVEP) e Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS).
Fonte: Agência Força Aérea