sábado, 15 de novembro de 2014

20 de novembro se torna feriado em Tanabi.

Renan Contrera

renancontrera@hotmail.com.br                          Foto: Divulgação/Prefeitura

Ver. Fabrício Missena o autor do projeto
 com a Pref. Maria Isabel Lopes Repizo.
A Câmara Municipal de Tanabi aprovou por unanimidade na sessão ordinária da ultima segunda-feira 10 de novembro o projeto de autoria do vereador Fabrício Missena que decreta feriado municipal no dia 20 de novembro, "Dia da Consciência Negra".

Apos ser aprovado na Câmara a prefeita Maria Izabel Lopes Repizo deverá sancionar e promulga do decreto, que será feriado para os órgãos municipais e facultado ao comercio, industria e prestadores de serviço.

Esta data é comemorada no Brasil em homenagem a morte de Zumbi, que era líder do Quilombo dos Palmares. O quilombo era uma localidade situada na Serra da Barriga, onde os escravos se refugiavam. Com o passar dos anos, chegou atingir uma população de vinte mil habitantes, em razão ao aumento das fugas dos escravos.

O dia da consciência negra é uma forma de lembrar o sofrimento dos negros ao longo da história, desde a época da colonização do Brasil, tentando garantir seus direitos sociais.

Nos dias de hoje tem várias leis que defendem os direitos, como a de cotas nas universidades. Na época da escravidão os negros não tinham direito ao estudo ou a aprender outros tipos de trabalho que não fossem os braçais. Muitos deles, estando libertos, continuaram na mesma vida por não terem condições de se sustentar.

O dia da consciência negra é marcado pela luta contra o preconceito racial, contra a inferioridade da classe perante a sociedade. Além desses assuntos, enfatizam sobre o respeito enquanto pessoas humanas, além de discutir e trabalhar para conscientizar as pessoas da importância da raça negra e de sua cultura na formação do povo brasileiro e da cultura do nosso país.

Fonte: Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Tanabi