quarta-feira, 15 de março de 2017

Estudantes Universitários e Professores Municipais lotam plenário da Câmara

Renan Contrera


Estudantes universitários e professores municipais lotaram o plenário da Câmara Municipal de Tanabi antes e durante a sessão que ocorreu na segunda-feira, 13. Primeiro os vereadores ouviram os estudantes universitários na questão do transporte até as universidades. E os professores foram cobrar uma posição sobre o bônus que era para ter sido pago no ano passado.
Fotos: Renan Contrera
Estudantes querem uma respostas sobre o
transporte
Antes do inicio da sessão os vereadores tiveram uma reunião com os estudantes universitários para falar sobre o transporte até as universidades que estudam, pois o Poder Executivo enviou para a Câmara um projeto de lei pedindo autorização para fornecer combustível para as associações estudantis.

Os estudantes pedem para que o transporte seja gratuito novamente, alguns anos este transporte era custeado pela Prefeitura e neste ano o Executivo ajudaria com o combustível passando para as associações da seguinte forma: Associação dos Estudantes Universitários – AEU até 5.040 litros de óleo diesel; Associação dos Estudantes do Ensino Superior de Tanabi até 7.560 litros de óleo diesel; Associação Estudantil Tanabi/São Jose do Rio Preto até 28.800 litros de óleo diesel.

Os vereadores pediram a opinião dos estudantes e irão marcar uma reunião com os presidentes das associações, vereadores e o prefeito Norair Cassiano para chegaram a uma solução.

Professores
Já os professores da rede municipal de ensino foram até a Casa de Leis cobrarem uma posição sobre o bônus referente à nota do IDEB que era para ter sido pago ate dia 31 de dezembro de 2016 pela administração anterior.

Professores cobraram o bônus do IDEB do
ano passado 
Não tinha nenhum projeto na pauta do dia relacionado ao bônus, mas o Presidente da Câmara, Marcos Paulo Mazza deu espaço para os vereadores falaram com os professores, darem uma explicação.

Na segunda-feira, 13 uma reunião entre o prefeito Norair, com os vereadores, Alexandre Bertoline, Advaldo Cristal, Devinha Zanetoni, Rodrigo Bechara e Dorival Rossi, com o jurídico da prefeitura e representante do sindicato dos servidores municipais.


Onde de acordo com uma noticia publicada no site oficial da prefeitura (leia aqui) onde ficou decidido que o bônus será pago em 8 parcelas, sendo a primeira no mês de abril.


Um projeto de lei poderá ser enviado para a Câmara Municipal nos próximos dias.