segunda-feira, 22 de julho de 2013

FAB entrega Medalha Mérito Santos Dumont

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com
Fotos: Agencia Força Aérea/ Sgt Bruno Batista
Entrega da Medalha Mérito Santos DumontA Força Aérea Brasileira (FAB) comemora nesta sexta-feira (19/7) o 140º aniversário de nascimento de Alberto Santos Dumont, Patrono da Aeronáutica Brasileira e Pai da Aviação. Em homenagem ao patrono, a FAB realizou em todo país a entrega da Medalha Mérito Santos Dumont a civis e militares.
Em Brasília, a solenidade de condecoração foi realizada na Base Aérea de Brasília (BABR), em cerimônia presidida pelo Ministro da Defesa, Celso Amorim, e com a presença do Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Juniti Saito, e de outras autoridades civis e militares brasileiras e estrangeiras.
A medalha é destinada a militares que tenham se distinguido no exercício da profissão, a cidadãos brasileiros e estrangeiros que tenham prestado notáveis serviços ao país e a organizações militares e instituições merecedoras.
SO Ricardo Gmoes Pimental
 recebendo a medalha
OrgulhoCom mais de 30 anos de serviços prestados à Força Aérea, era visível o orgulho do Suboficial Ricardo Gomes Pimentel, que trabalha na Consultoria Jurídica da Aeronáutica (COJAER). Ele começou a carreira como soldado e esse ano fará o curso para se tornar oficial da FAB. "Receber essa medalha é o grande reconhecimento desses 33 anos de serviço. É uma conquista pela dedicação e luta que sempre tive na minha carreira", disse.
Acompanhado da família, o Major Aviador Alessandro Sorgini D’Amato exibia satisfação pela homenagem. “É uma honra receber essa condecoração que leva o nome do Patrono da Aeronáutica. Estar ao lado da família nesse momento é ainda mais especial. Eles nos apoiam e dão suporte para chegarmos até aqui”, disse ao lado da esposa Eleanor e das pequenas Lara de 3 anos e Cecília de 1 ano e meio.
Ministro Celso Amorim em reverencia a Bandeira Nacional
Medalha Santos DumontA Medalha Mérito Santos Dumont foi criada em 5 de setembro de 1956 em homenagem ao espírito de Alberto Santos Dumont, durante as comemorações do cinqüentenário do voo do 14-Bis. Em 1906, na capital francesa, o brasileiro colocou seu nome na História ao decolar em seu aparelho mais pesado que o ar, por meios próprios, sem nenhum tipo de ajuda externa. Nascia ali o avião.
“Santos Dumont era um homem que viveu à frente do seu tempo. Sua disciplina, perseverança e espírito inovador inspiraram e continuam a inspirar muitos brasileiros”, foram as palavras do Ministro da Defesa.
A cerimônia contou com desfile de tropa e passagem de caças F-2000 Mirage. O Patrono da Aeronáutica também recebeu uma homenagem durante a formatura: o hasteamento da insígnia e a execução do toque de Marechal do Ar, o posto mais alto da FAB.


Fonte: Agência Força Aérea