segunda-feira, 27 de abril de 2015

Cerca de duas mil pessoas passaram pela Praça Matriz para assistirem o Circuito Sesc de Artes 2015

Várias atrações estiveram a disposição da população e gratuitas 

Renan Contrera
renancontrera@hotmail.com.br
Fotos: Renan Contrera
Todos podiam ler vários livros e
tomar um banho de leitura
Tanabi recebeu no sábado na Praça Matriz o Circuito Sesc de Artes de 2015, com o tema Conectando lugares, Circulando ideias. Realizado pelo Sesc São Paulo por intermédio do Sesc Rio Preto trouxe várias atrações como teatro, circo, literatura e show com Karol Conka, considera uma das mais importantes representantes do rap feminino no Brasil. Cerca de duas mil pessoas passaram pela Praça para verem teatro, circo, dança, show.

O Circuito iniciou com a intervenção Banho de Leitura onde uma banheira com livros de poisa, conto, crônica e ilustrações, com a participação de mediadores de leitura que estimulavam a troca de histórias entre o publico. A banheira pode ser deslocada para outros pontos onde ela esteja com rodinhas, contém também banquinhos, guarda sol para que todos realizassem a leitura agradável. Também esteve no inicio do circuito foi a artemídia Seu Cabeça de Pop que era possível grafites sem as mãos apenas com os olhos e a cabeça.

No Baião de Spokens foi apresentado poemas, histórias e letras de música, o espetáculo ressalta a força da oralidade como forma de expressão literária. Todos que estavam na Praça ficaram alegres ao verem a o circo Quiproquó, que o palhaço surge para sua apresentação mas sozinho, seu companheiro não apareceu. Depois de uma interferência da plateia descobre que seu parceiro esta como espectador e o traz a cena, causando a maior confusão.

Teatro Cidade Proibida

Como o circuito foi realizado em frente a Igreja Matriz e tinha casamento, todos esperam o final de cerimonia religiosa, na saída dos noivos os autores da peça de teatro Cidade Proibida chamaram os noivos para desfilarem na passarela da peça e receberam as palmas do publico presente que esperava a peça.

A peça Cidade Proibida procura resgatar o convívio social e a memória de lugares delimitados na cidade, com música, circo, dança e teatro. "É muito legal sempre circular com o trabalho apresentar para outros públicos, a gente já esteve em Santos, Campinas, lugares diferença. Então o que a gente fica pra nos é muito bom e a gente fica curiosa em saber como pra vocês de Tanabi, pra nós foi um prazer, a praça é linda, o publico super receptivo", comentou Patrícia Fagundes, diretora da peça.

O publico pode subir no palco e dançar com a
rapper Karol Conka
A principal atração da noite foi a rapper curitibana Karol Conka que é considerada uma das mais importantes representantes do rap feminino no Brasil e recentemente Karol foi eleita como uma das "dez novas artistas que merecem reconhecimento" pela revista norte-americana Rolling Stone, considerada a maior referência mundial em crítica musical.

"Achei o show maravilhoso, achei o publico daqui uma delicia e nem lembrei que o sertanejo impera aqui na hora que estava no palco e estava todo mundo curtindo e parecia que era carnaval", disse Karol Conka sobre o show, porque em nossa região o sertanejo é o que mais toca e no show o publico de Karol foi bem grande.

Algumas pessoas subiram no palco, o show foi bem animado "Todo show eu chamo os meus fãs para subirem ao palco, não tenho dançarinos e nem bailarinos, eu prefiro o publico dançando comigo" comentou Karol.

CLIQUE NA IMAGEM PARA VER AS DEMAIS FOTOS